quinta-feira, 28 de novembro de 2013

74º dia - Diário alimentar e problemas com o salmão!

Vou começar fazendo um retrospecto da minha alimentação desde ontem à noite.
Ontem eu fui ao super mercado comprar umas verduras pra minha salada e encontrei manjericão, um luxo que não tem na minha cidade. Fui ao delírio, porque amo manjericão!


A salada é alface crespa roxa, cebolinha, cheiro verde, manjericão, cebola e tomate, temperada com uma colher de chá de óleo de linhaça dourada, vinagre de maçã e sal. A carne é uma sobrecoxa acebolada grelhada. A sobremesa foram 10 uvas sem sementes.
Minha gente, enquanto fazia essa salada, o cheiro do manjericão penetrou fundo no meu nariz e eu desejei uma pizza marguerita do fundo do meu coração.
Por conta disso, hoje meu café da manhã foi assim:


Uma xícara de leite desnatado com café pingado e adoçante de sucralose, um beiju marguerita e um kiwi.
A ideia do beiju marguerita começou na minha cabeça ontem , enquanto fazia a salada, e pode até ser que outra pessoa já tenha feito antes, mas eu juro que não copiei de ninguém.
Eu fiz um beiju normal usando três colheres e meia de tapioca pronta. Depois de assado, eu botei em cima pedacinhos de um tablete de queijo polenguinho light, uma colher de chá de semente de chia, três rodelas de tomate e umas folhinhas de manjericão. Depois enrolei como se fosse uma panqueca, porque é assim que se come beiju aqui, e, dessa forma, o recheio ficou uniforme a cada mordida!
Estava uma delícia!!!
Meu lanche da manhã foi uma banana.
Descobri um filé de salmão congelado no freezer da mainha e resolvi preparar pro almoço de hoje.
Péssima ideia...


Eu não sei se a culpa foi do salmão, que achei de péssima qualidade, ou se da panela, que de antiaderente não tem nada, mas não ficou gostoso e suculento como os que faço lá em casa. Passei foi vergonha porque chamei minha prima pra almoçar e a comida foi esse peixe horrível...
Nesse prato tem três colheres de sopa de arroz integral, duas colheres de feijão preto, três colheres de cenoura ralada, alface crespa roxa, tomate, cebola, cheiro verde, cebolinha e manjericão, e mais ou menos 100 gramas do bendito salmão. Parece um monte de comida, não é mesmo??? A sobremesa foram três damascos.
À tarde, meu lanche foram 10 uvas sem sementes.
Cismei com a história desse salmão e fui ao supermercado, comprei um jogo de frigideiras antiaderentes novas e um filé de salmão pra eu provar que sei cozinhar. Questão de honra!
Meu jantar foi assim:


Ahhhhhhhh, agora sim um salmão de vergonha!!! Pena que minha prima não estava aqui pra conferir...
A salada é a mesma do almoço e o salmão é o mesmo que já preparei e postei aqui várias vezes, copiado do Blog da Mimis.
Minha sobremesa foi isso aqui:


Comprei lá no Mundo Verde.
Gente, 23 kcal, sem açúcar e igualzinho ao doce de banana tradicional. Achei uma delícia. É bom variar de vez em quando, né?
Sobre o Mundo Verde, hoje foi a primeira vez que fui lá e depois faço um post sobre isso.
Por enquanto é só.
E vocês, o que acharam da minha alimentação?
Abraços!!!

3 comentários:

Gê Simões disse...

oii

hum... que vontade de comer levinho que me deu agora.
É bom ter essas ideias saudáveis né.
Não sei se vc come aquela massa RAP10 integral, mas se vc fizer ela com tomate o manjericão e o seu queijo magrinho, vai também enganar muito a vontade de pizza...

Beijos

Michelly Almeida disse...

Passando pra conhecer o seu cantinho.
Adorei a alimentação super variada e saudável. Adoro salmão mas nunca inventei de preparar rsrs
Que bom que o segundo vingou o primeiro rsrsrs
Beeijoa e tudo de melhor, sempre!

Drika disse...

Eu tb amo manjericao ,as vezes temos que tomar cuidado c qualidade do salmao já aconteceu isso comigo e ainda pior depois passei mal !!!bjs